segunda-feira, 2 de maio de 2011

Niver da matriarca Alaíde Miranda

Esse post tá atrasado, mas não posso deixar de registrar:


A grande dama ALAÍDE MIRANDA, personalidade bastante conhecida em nosso Estado, comemorou 84 (oitenta e quatro) anos no dia 31de março próximo passado, e, como faço há mais ou menos, 40 anos (desde que nasci, óbvio,ha,ha,ha), me fiz presente!


Pequena história:
No século XIX, dois irmãos casaram-se com duas irmãs, e dentre os filhos que nasceram estavam meu avô, Afonso e Alaide Miranda, portanto, ambos, primos carnais. Desde então, minha mãe tem Alaíde Miranda como tia, considerando-a irmã de seu pai (Afonso).
Deu para entender? espero que sim, pois, até hoje, a parte mais nova da família não consegue entender o parentesco!hahahahaha...


Só sei que cresci dentro da casa de Alaíde Miranda! Minha infância e adolescência foi toda no convívio alegre e prazeroso da casa dessa mulher fantástica e de seus 10 (dez) filhos!!! Isso mesmo, DEZ!! Nomes: Floriano, Cecília Maria, Júlia Sânia, Elísio Alexandrino Filho Golinha (I.M.), Elizabeth, Sandra (I.M.), Paulo Di Tarso, Cláudia Rejane, Gláucia Betânia e Diana Miranda.


Alaíde Miranda foi casada com um empresário de nome Elísio Alexandrino de Oliveira (pai de todos os seus filhos e único marido).
Era comum, Alaíde Miranda e seu esposo sempre presentes nos melhores eventos sociais da cidade naqueles tempos.
Minha mãe conta que tia Alaíde era, invariavelmente, considerada uma das mais elegantes das festas, casamentos, etc. Os famosos Anos Dourados!

Após um tempo, Alaíde Miranda começou a trabalhar fazendo decoração e bolo para casamentos, numa época em que já não vivia tão abastada, afinal, todos nós temos altos e baixos, não é? E, todos na Paraíba conhecem sua história de garra e superação.

Se eu for contar toda a sua trajetória aqui, irei cansar vocês, seria um livro (dos bons, garanto!).

Faço apenas esse breve relato para mostrar a todos quão corajosa, determinada, forte, altiva, aguerrida e brava foi esta mulher, ALAÍDE MIRANDA.
Aliás, AINDA É, afinal ela continua viva, lépida e aguentando os trancos sem se curvar!! ADMIRO-A!!!


Alaíde foi a melhor decoradora e boleira dessa Paraíba (hoje chamam de banqueteira, cook designer, etc.).
Não tinha para mais ninguém! Elaborou e decorou os melhores casamentos, festas de debutantes e formaturas da época (anos 70 e 80, salvo engano).:0


Alaíde sempre foi firme e forte, como dizemos!
Ela aguentou todas as barras para criar os filhos, a viuvez, perdeu dois filhos há poucos anos (isso deve doer muuuito)! E continua em pé, nos dando lições de vida diariamente.
Comemorar seu aniversário é sempre uma alegria para nós que fazemos parte de seu íntimo, e ficamos sempre na torcida de que essa data se repita ainda por mais alguns anos.




Esse post foi apenas para registrar a comemoração, em família, dos seus 84 anos de vida, muita VIDA!!!!


Salve, ALAÍDE MIRANDA.

DETALHE: 24 netos e 20 bisnetos.



                     Os filhos: paulinho, Kaká, Cecília, ELA, Sânia e Floriano


         Alaíde em seu discurso, ladeada pela sobrinha, Jacy Miranda e por sua professora de pintura, Cecília Vasconcelos.



p.s. todos os irmãos de Tia Alaíde morreram perto dos 100 anos, e, um deles, Paulo Miranda, morreu aos 104 anos, lúcido! VIVA!!!

Apareçam.

Um comentário:

Ana Lúcia Henriques de Melo disse...

Gostaria muito de conhecer a sra. Alaíde Miranda. Admiro-a bastante. Como fazer para conhecê-la?